Pesquisar este blog

29 de março de 2011

Por uma infância sem preconceito

Eu encontrei a propaganda desta campanha no blog: Maternidade Lésbica e linkei.

Ler o título da campanha me fez olhar para dentro de mim, principalmente depois que li no blog que visitei: Desabafo de mãe, o blog, que é dificil admitirmos que somos preconceituosos. Achei verdade pra mim.

Confesso que antes eu tinha preconceito por Japoneses, achava tantas coisas sobre eles, mas um belo dia conheci uma pessoa no trabalho que é descendente, olhei pra ela muitas vezes e pensei, vou me deixar levar, vou me dar esta chance.

Foi uma experiência maravilhosa, ela é uma pessoa maravilhosa, simples, temos tantas coisas em comum, já choramos juntas pelas injustiças que passamos ou pelo extress do trabalho não reconhecido e melhor do que sermos simples colegas de trabalho, acreditamos na nossa amizade longe dali.

Contei a ela que ANTES eu tinha preconceito sobre os Japoneses e que minha visão mudou não apenas por que ela é uma pessoa maravilhosa, mas também porque eu me dei esta oportunidade, olhei pra dentro de mim, reconheci essa forma pequena de pensar e me lembrei da minha crença: Somos iguais, filhos de Deus, temos a morte como única certeza da vida.
Eu sabia que não era muito chegada mas não havia reconhecido que era preconceito. Coisa boba, pensava mesmo que eles é que são preconceituosos conosco, quando na verdade não posso de jeito nenhum generalizar.

Sei que esta campanha deveria ser divulgada apenas até 28.03, mas resolvi colocar o título desta postagem para contar um pouquinho desta história que pra mim foi muito importante.

Nossos filhos terão opiniões e personalidades mas queremos ensiná-los e educa-los da melhor forma
possível, com bons valores, então, isso já tem que partir do nosso exemplo.

 
Bjos

4 comentários:

  1. Oie... não pude ir no encontro de Março mas, vc nos verá no de Abril... vou chegar mais cedo e estarei na lanchonete... Beijos ao casal.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post, é isso mesmo, quando investigamos um pouco percebemos que também temos esse péssimo hábito de pré julgar as pessoas.

    Aos poucos vamos conseguindo, acabar com os nossos preconceitos em relação aos outros e com o preconceito dos outros em relação a nós.

    beijos
    Liana

    ResponderExcluir
  3. Oi meninas!! Como vão??
    Estamos sumida, trabalhando muitissimo!!
    Mudamos o nome do blog para Maternidade Dupla!
    beijinhos

    Gy e Su

    ResponderExcluir
  4. Olá...tudo bem!!!?Temos um presente para vocês lá no nosso blog...
    Entra lá e pega seu presente!!vlws bjinhos Cláudia Nogueira

    Minha mãe é mulher da minha outra mãe.
    http://maesles.blogspot.com/

    ResponderExcluir